Páginas

quarta-feira, julho 20

Me explica, que às vezes eu tenho medo.




De onde vem essa iluminação que chamam de amor, e logo depois se contorce, se enleia, se turva toda e ofusca e apaga e acende feito um fio de contato defeituoso, sem nunca voltar àquela primeira iluminação?


Caio F. Abreu

Um comentário:

  1. O Caio é fabuloso! Obrigada pela visita de sempre, mocinha :)
    Beijos

    ResponderExcluir